Páginas

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Limites sim ou não?

Os limites são necessários em todos os momentos da vida, não se trata somente de saber o que pode-se fazer, mas também do como realizar ou não determinadas atividades, nesse sentido, os limites são norteadores dos diferentes momentos da vivência e experiências das crianças. Como mostrá-los  e garantir sua utilização? Vejamos:

1° Rotina: Todos temos e fazemos alterações no cotidiano, mas é necessário que se tenha um ponto de partida, momentos fixos do dia para realizar as diferentes tarefas, seja a hora do café, escovação dental, banho, momento de estudos em casa, hora de ir à escola, hora de dormir, acredito que esses momentos são necessários especialmente às crianças, pois eles tendem a ter menos insegurança no decorrer do dia se elas podem "prever" os acontecimentos.

2° Regras: Tudo na vida possui regulamentos não é mesmo? As crianças fazem parte disso, logo, precisam das regras como as de convivência em casa, como se comportarem no uso do banheiro, dos utensílios da casa, da televisão, do celular, é necessário que sejam regras condizentes com a faixa etária da pequena, pois do contrário, ela não vai compreender nem cumprir, porque só cumprimos e respeitamos o que entendemos não é mesmo?

Caso a criança ou jovem descumpra os combinados, sente-se e olhando em seus olhos, converse, mostre que não achou positivo o descumprimento e pergunte o porque dele ter ocorrido, deixe que se expresse, se observar que as regras são realmente inflexíveis ou desnecessárias entre em um consenso, porém não ceda se perceber que a pessoa está sendo irresponsável, mostre a necessidade da regra e da rotina para o bom funcionamento da casa, da sala ou do ambiente em questão. 
Deixe sua dica, seu comentário será de grande valia!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário